MISSÃO DE POLÍCIAS DE INVESTIDURA MILITAR DA EUROPA VISITA O BRASIL

Notícias 27/06/2016

De 20 a 24 de junho de 2016, uma missão da Associação de Gendarmerias e Polícias com Status Militar da Europa e Mediterrâneo – FIEP visitou oficialmente Polícias Militares Brasileiras.

Foram visitadas as Polícias Militares de São Paulo, de Santa Catarina – Estado que teve a visita também ao Corpo de Bombeiros Militar – e Minas Gerais.

A missão teve por objetivo conhecer e avaliar aspectos institucionais e operacionais das Polícias Militares no Brasil em resposta a pedido do Conselho Nacional de Comandantes-Gerais PM e BM formulado em abril deste ano para integrar a Associação FIEP. 

A Associação FIEP (iniciais dos países fundadores: França, Itália, Espanha e Portugal) promove, em conformidade com os acordos internacionais vigentes e regulamentos nacionais, a troca de informações e experiências nos setores de recursos humanos, incluindo formação e recrutamento; organização de serviços; novas tecnologias e logística entre as gendarmerias e polícias com status militar no mundo todo.

Atualmente, a FIEP é composta pelos seguintes membros: Gendarmerie Nationale, França (1994); Arma dei Carabinieri, Itália (1994); Guardia Civil, Espanha (1994); Guarda Nacional Republicana, Portugal (1996); Jandarma, Turquia (1998); Koninklijke Marechaussee, Países Baixos (1999); Gendarmerie Royale, Marrocos (1999); Jandarmeria, Romênia (2002); Forças Gendarmerie, Jordan (2011). A presidência alternada dentre esses membros, estando este ano a cargo da Romênia.

Algumas forças que não preencham os requisitos geográficos são membros associados: Gendarmeria Nacional, Argentina (2005); Carabineros de Chile, Chile (2005); Lekhwiya Forças, Qatar (2013).

Duas forças recentemente se juntaram a associação como observadores: Guarda Nacional, Tunísia (2015) e Forças de Segurança Nacional, Palestina (2015).

A referida visita de autoridades militares estrangeiras da Romênia, Portugal, Itália, França e Jordânia às polícias militares do Brasil (São Paulo, Santa Catarina e Minas Gerais) faz parte da terceira etapa que consiste, como mencionado, na avaliação de critérios para adesão do CNCG a Associação das Forças de Segurança de Natureza Militar da Europa e do Mediterrâneo - FIEP (de "França, Itália, Espanha e Portugal", países de origem dos quatro primeiros membros), com objetivo de fortalecer as capacidades dos seus membros por intermédio da troca de experiências e melhores práticas, além de desenvolver seu caráter operacional pela promoção de ações concretas de cooperação e segurança global.

Tal missão foi de suma importância, pois além de estreitar laços e possibilitar intercâmbio, demonstrou a todo o País que em todo o mundo existem Polícias Militares, contrariando afirmações daqueles desinformados que insistem em desconsiderar tal fato, repassando a ideia equivocada de que só há Polícia com investidura militar no Brasil.

A Federação Nacional de Entidades de Oficiais Militares Estaduais – FENEME, da Associação dos Oficiais de Polícia e Bombeiro Militares de Santa Catarina – ACORS e da Associação dos Oficiais da Policia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais – AOPMBM, apoiaram diretamente as atividades, em especial junto aos Estados de Santa Catarina e Minas Gerais.

REGISTRO FOTOGRÁFICO DA VISITA À POLICIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO

REGISTRO FOTOGRÁFICO DA VISITA À POLICIA MILITAR DO ESTADO DE SANTA CATARINA

REGISTRO FOTOGRÁFICO DA VISITA À POLICIA MILITAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS